Início » 7 dicas para evitar assaduras em adultos
Saúde e Alimentação

7 dicas para evitar assaduras em adultos

Assaduras e outros problemas de pele também afetam os adultos, principalmente nos períodos de calor intenso. A principal causa é a fricção contínua da pele úmida e o acúmulo de resíduos de suor, proporcionando o aparecimento de fungos ou bactérias. Por isso, a médica cooperada da Unimed Curitiba Rossana Spoladore, especialista em dermatologia, dá algumas dicas de prevenção para evitar o incômodo causado pelas assaduras.

Mesmo com o fim do verão e início do outono, a especialista alerta para o cuidado especial nas regiões onde as assaduras mais acontecem: virilha, abaixo das mamas, axilas e na região abdominal daqueles com excesso de gordura na região do abdômen. Ela ainda alerta sobre a milária – mais conhecida como brotoeja. “São lesões que aparecem geralmente no tronco, pescoço, axilas e dobras de pele sob a forma de pequenas bolinhas avermelhadas com ou sem líquido. É uma dermatite inflamatória aguda causada pela obstrução dos ductos excretores das glândulas sudoríparas, que impedem a saída do suor”, esclarece.

Veja as dicas da especialista:

  1. Use roupas leves e respiráveis: opte por roupas feitas de materiais naturais, como algodão, que permitem uma melhor circulação de ar. Evite roupas apertadas que possam causar atrito excessivo.
  2. Mantenha a pele limpa e seca: mantenha a área afetada limpa e seca é crucial. Após o banho, certifique-se de secar bem a pele, dando atenção especial às dobras e áreas de atrito. Se for possível, resfrie ou ventile bem o ambiente para evitar que o calor e o suor provoquem atritos e causem inflamações.
  3. Aplique talco ou loções protetoras: use talcos e produtos protetores antiatrito pode ajudar a reduzir o atrito e a umidade na pele. Escolha produtos que sejam suaves e hipoalergênicos e que contenham óxido de zinco. Talco mentolado ou loções com calamina podem diminuir as coceiras e o prurido causado pelas inflamações como a brotoeja. Evite pomadas mais gordurosas que podem aumentar a umidade da pele.
  4. Troque roupas suadas: troque de roupa sempre que praticar atividades físicas ou ficar molhado devido ao suor para evitar a umidade excessiva na pele.
  5. Evite permanecer com trajes de banho molhados: evite deixar a pele em contato prolongado com areia, sal da praia, cloro da piscina ou suor excessivo por períodos prolongados. O uso prolongado das roupas de banho molhadas também pode favorecer o aparecimento de lesões.
  6. Atenção aos idosos: use cremes ou loções hidratantes diariamente, pois a pele madura tende ao ressecamento. Evite banhos quentes e longos e use sabonetes neutros. Se acamado, o idoso deve mudar de posição a cada duas horas, pois os colchões com protetores plásticos podem ocasionar o aumento da umidade e provocar dermatites típicas relacionadas ao calor.
  7. Consulte um especialista: procure um médico especialista se apresentar qualquer sintoma de assadura ou outra inflamação cutânea, para avaliação e indicação do tratamento adequado.

Fonte: paranashop

About the author

Avatar

Suporte

Add Comment

Click here to post a comment

DESTAQUE NO GUIA DE EMPRESAS

 Salões de Beleza /  Prado / 136 Visitas

Blogueiras

Stephanie Braga

Stephanie Braga

Cirurgiã Dentista especialista estética facial
Proprietária Instituto Onze

Quezia Pio

Quezia Pio

Esteticista especializada em Ozonioterapia

Lorraine

Lorraine

Esteticista e Biomédica | Mentora da estética e beleza
🚀 Estrategista Digital

abril 2024
S T Q Q S S D
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930